Início > Cabo Verde

CABO VERDE

Presidente da República quer interesses nacionais salvaguardados na privatização da CABNAVE e da ENAPOR

O Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, quer que os interesses nacionais e dos trabalhadores sejam salvaguardados no processo de privatização da CABNAVE e da ENAPOR. Esse desejo foi expresso esta quinta-feira, dia 3, após visitar instituições sanvicentinas ligadas à economia do mar.

BRAVA, CABO VERDE

Porto da Furna vai ser ampliado e modernizado

Para dar resposta aos novos desafios que se apresentam à ilha, o Porto da Furna vai sofrer obras de ampliação e modernização. A obra já foi adjudicada ao consórcio Armando Cunha e CPTP. Aos 45 metros de cais existentes actualmente vão ser acrescentados mais 15 metros, além da construção de um novo cais, conforme explica o Delegado da ENAPOR na Brava Armando Lopes. “O projecto prevê a construção de um novo cais de 75 metros. Vamos passar a ter um cais em L e vamos poder receber dois navios ao mesmo tempo. Com a chegada do Fast Ferry, devido às escalas regulares do Kriola, será obrigatório termos condições de receber os demais navios que operam nesta linha”, lembra.

SÃO VICENTE | CABO VERDE

Navio Vis, da Sociedade Tuninha, já está no Porto Grande

O navio Vis, recentemente comprado na Croácia pela Sociedade Cabo-Verdiana de Transportes “Tuninha”, atracou na manhã de ontem no Porto Grande de São Vicente, depois de passar a noite fundeado na baía, onde chegou às 20:51 de segunda-feira.
Propriedade da Tuninha, sociedade anónima que integra dois cabo-verdianos e dois franceses, Vis, que posteriormente passará a chamar-se Vicente, em homenagem à ilha, tem 60 metros de comprimento por 14 de largura e capacidade para 250 passageiros, 40 viaturas ligeiras e oito contentores de 20 pés.

CABO VERDE

Navio «Guardião» já se encontra no mar e quase pronto a navegar

O Coordenador para seguimento da construção do navio patrulha “GUARDIÃO”, esteve na DAMEN-Holanda, para acompanhar e participar no processo de lançamento do navio patrulha Guardião ao Mar e assistir às provas de inclinação do navio, com representantes da DAMEN SHIP YARD.

TERMINA HOJE, 2 DE NOVEMBRO

Cidade da Praia acolhe reunião sobre extensão da plataforma continental

A Cidade da Praia acolhe, de segunda a quarta-feira, a III Reunião Sub-Regional do Comité de Fixação da Plataforma Continental para além das 200 milhas de Cabo Verde, Gâmbia, Guiné-Conacri, Guiné-Bissau, Senegal e Mauritânia.
Segundo uma nota do Ministério das Relações Exteriores (MIREX), citada pela Inforpress, a reunião visa analisar com os seis países costeiros oeste-africanos questões práticas relacionadas com a recolha, tratamento, gestão e armazenamento de dados científicos, técnicos, sísmicos e batimétricos.

Embaixadora de Cabo Verde em Bruxelas visita o navio «Guardião»

A convite da Equipa Técnica Cabo-verdiana, a Embaixadora de Cabo Verde em Bruxelas, Maria de Jesus Veiga Miranda Mascarenhas teve a oportunidade de visitar a sede da DAMEN, empresa responsável pela construção do navio “Guardião”. A diplomata cabo-verdiana foi recebida por Friso Visser, Director Comercial para África.
Durante o encontro, Visser agradeceu à Embaixadora a disponibilidade para visitar a DAMEN e o GUARDIÃO, tendo aproveitado para fazer uma síntese sobre os navios em construção nos estaleiros do “GRUPO DAMEN”, projectos em carteira, nomeadamente os relacionados com a construção de dois rebocadores da ENAPOR, S.A., cujo financiamento parcial se encontra assegurado pela O.R.I.O.

PRIMEIRA FASE DA AMPLIAÇÃO E MODERNIZAÇÃO DO PORTO DA PRAIA

Está inaugurada a «maior obra» até hoje realizada em Cabo Verde

A primeira fase da ampliação e modernização do porto da Praia foi inaugurada dia 14 de Outubro. A "maior obra" até hoje realizada em Cabo Verde numa área de 14 hectares que terá capacidade para, nos próximos 20 anos, movimentar até 100 mil contentores. “Sim, nós conseguimos”, foi a palavra de ordem dos discursos, entre outros, de José Maria Neves e do chefe do MCC, Daniel Yohannes.
Num total de 14 hectares, a obra inaugurada contempla um novo terminal, áreas de acondicionamento de carga e de distribuição e vias de acesso tanto ao terminal como à circular da cidade, descongestionando desta forma as principais vias da Praia. “A maior obra até hoje realizada em Cabo Verde”, destacou o PCA da ENAPOR, Franklin Spencer.

CABO VERDE

Porto Grande do Mindelo com primeiro semestre muito positivo

O Porto Grande do Mindelo registou um semestre francamente positivo com crescimento em todos os tráfegos e todos os segmentos de mercado.
O volume de mercadorias operado pelo porto cresceu 23% quando comparado com período homólogo de 2010, acompanhado pelo número total de navios operados no porto, que cresceu 26% comparativamente ao primeiro semestre de 2010. Já no que diz respeito ao número de passageiros que passaram pelo Porto Grande do Mindelo, o crescimento ainda foi maior, cifrando-se nos 29,4%.

Turistas em Cabo Verde aumentam 20,4% no 1.º trimestre de 2011

Cerca de 111 mil turistas pernoitaram nas unidades hoteleiras de Cabo Verde no primeiro trimestre deste ano, o que corresponde a um aumento de 20,4% em relação ao período homólogo de 2010, segundo os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) cabo-verdiano.
Os dados do Inquérito à Movimentação de Hóspedes (IMH), divulgados hoje pelo INE, em termos absolutos, entraram nos estabelecimentos hoteleiros mais 18.840 turistas do que no trimestre homólogo de 2010.

 

GALP RIO vendido para Cabo Verde

É o último resistente da antiga frota da Sacor Marítima: o GALP RIO ex-MELINA que já está vendido para Cabo Verde e se chama agora BAÍA.
O BAÍA está atracado em Santa Apolónia, com o casco preto após ter sido docado e reparado no Seixal. Foi construído na década de 1960, em São Jacinto, para a Shell Portuguesa. Posteriormente integrou a frota da Sacor Marítima para serviço de bancas no Tejo, que assegurou durante muitos anos.
 

OCEANOGRAFIA

Investigadores de Cabo Verde e da Alemanha trocam experiências

Os investigadores dos navios Islândia, de Cabo Verde, e Maria S. Merian, da Alemanha, reuniram na baía do Porto Grande, para trocar experiências, anuncia o Asemanaonline, em Mindelo. O encontro aconteceu no âmbito de mais uma campanha oceanográfica realizada por estes dois navios, nas águas de Cabo Verde.
A investigação é da responsabilidade do Instituto Nacional de Desenvolvimento das Pescas (INDP) e do IFM – Geomar da Alemanha, e centra-se na recolha regular e sistemática de informação oceanográfica pelo navio Islândia e por navios de investigação alemães.

 Vídeo

Sobrevoando a Restinga e a cidade do Lobito (Angola)

 XIII Congresso da APLOP | Ireneu Camacho | ENAPOR – Portos de Cabo Verde

 XIII Congresso da APLOP | Eneida Gomes | ENAPOR – Portos de Cabo Verde

 XIII Congresso da APLOP | Joaquim Gonçalves | APDL

 XIII Congresso da APLOP | Ricardo Roque | A Marca APLOP – Novos Caminhos

 XIII Congresso da APLOP | António Santos | Estudo de Mercado dos Portos dos PALOP

 XIII Congresso da APLOP | Dinis Manuel Alves

 XIII Congresso da APLOP | Segundo período de debate

 XIII Congresso da APLOP | Debate

 XIII Congresso da APLOP | Apresentação do Painel 1

 Encerramento do XIII Congresso da APLOP

 XIII Congresso da APLOP | José Renato Ribas Fialho | ANTAQ

 XIII Congresso da APLOP | Cerimónia de Abertura | Ireneu Camacho

 XIII Congresso da APLOP | José Luís Cacho

 XIII Congresso da APLOP | Massoxi Bernardo | Porto de Luanda

 XIII Congresso da APLOP | Francisco Martins | Porto de Suape

 XIII Congresso da APLOP | Cerimónia de Abertura | Murillo Barbosa

 XIII Congresso da APLOP | Cerimónia de Abertura | Abraão Vicente

 XIII Congresso da APLOP | Cerimónia de Abertura | Jucelino Cardoso

 XIII Congresso da APLOP | Belmar da Costa | Curso de Introdução ao Shipping

 XIII Congresso da APLOP | Joaquim Piedade | Zona Franca do Dande

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)