Início > Artigo > VI Congresso da APLOP - Bloco de Notas (3)



POR LUÍS SOUSA

VI Congresso da APLOP - Bloco de Notas (3)


A moderar o segundo Painel do VI Congresso da APLOP intitulado “Mercado do Turismo de Cruzeiros na Rota África-Brasil-Europa: Novas Oportunidades para os Portos da CPLP”, esteve Fernando Santos, Diretor da GlobalSea Travel.

Nas suas palavras introdutórias o moderador começou por assinalar o atual período de forte crescimento do turismo de cruzeiros a nível mundial, face aos benefícios que proporciona aos clientes e ao aumento da frota de navios existente para este fim. Por este motivo existe presentemente uma janela de oportunidade para os países da APLOP darem a conhecer os seus destinos turísticos, as suas cidades e criarem sinergias para o desenvolvimento deste mercado tão importante.

António Belmar da Costa, Diretor Executivo da AGEPOR (Portugal), foi o primeiro palestrante deste segundo painel, com uma comunicação subordinada ao tema "Turismo de Cruzeiros em Portugal: Um negócio em expansão".

Transporte marítimo, viagens, turismo e prazer foi a associação de palavras utilizada por Belmar da Costa para iniciar a sua apresentação, constatando de seguida que o setor é também um negócio que tem vindo a desenvolver-se sustentadamente em Portugal. As previsões até 2015 apontam para um crescimento de cerca de 7,4% no que diz respeito a escalas, sendo que o número de passageiros deverá aumentar a um ritmo ainda mais forte, face à tendência para a utilização de navios dimensões cada vez maiores.

Lisboa posicionou-se neste mercado através de um trabalho conjunto de promoção entre a Associação Internacional das Comunicações de Expressão Portuguesa, Associação de Turismo de Lisboa, Administração do Porto de Lisboa e a Associação de Agentes de Navegação de Portugal, com o objetivo promover Lisboa como destino privilegiado para escala de navios de cruzeiro.

Instrumentos de promoção como presença em feiras, publicidade em revistas especializadas e organização de workshops, permitiram a criação de uma marca para potenciação de todas as vantagens que Lisboa apresenta neste mercado. O alargamento deste esforço de promoção aos restantes portos nacionais começa a tornar claro um crescimento substancial no negócio em Portugal.

No entanto o país tem potencial para um crescimento ainda maior face à procura que se regista em outros países europeus. Isto implica uma preparação das infraestruturas tendo em atenção as novas variáveis da indústria, principalmente no que diz respeito à utilização de navios cada vez maiores que permitem praticar preços mais baixos, tornando-os acessíveis a mais e diferenciados clientes.

Estes novos navios implicam novos desafios, uma vez que necessitam de equipamentos apropriados ao fluxo alargado de passageiros e tripulantes, que tem de ser devidamente encaminhados para os locais de interesse com toda a logística inerente a ser observada. Por outro lado constituem uma oportunidade para os Portos com infraestruturas mais pequenas virem a receber os navios de menor porte, que apesar disso são ainda bastante interessantes do ponto de vista do negócio.

Realce ainda para a possibilidade da promoção dos produtos portugueses que o turismo de cruzeiro proporciona disponibilizando-os aos seus clientes, fator onde as políticas de cooperação com outros países poderão ter um papel multiplicador de grande importância.

Valdemiro Tolentino, Administrador da ENAPOR – Portos de Cabo Verde, levou a cabo a apresentação o "Porto Grande do Mindelo e o Negócio do Turismo de Cruzeiro", começando por constatar que face à inexistência no seu país de um operador especializado neste negócio, a ENARPOR tem vindo a estimular os agentes económicos a nível nacional, para este “indústria”.

O potencial interno é de monta em consequência da situação geográfica privilegiada no Atlântico médio, o que torna Cabo Verde um ponto de passagem para os cruzeiros com destino à América e África. Neste momento o turismo é um dos setores mais importantes na economia do país que apresenta um clima opimo, segurança e a diversidade paisagística e cultural de cada ilha do arquipélago.

A ENAPOR continua a promover a sua oferta neste mercado com base na presença em revistas da especialidade e participações em feiras, estimulando a participação dos agentes económicos nas mesmas. Foi também criada a associação Comunidade Cabo Verdiana de Cruzeiros que integra as várias instituições públicas e privadas com interesse no setor.

No futuro espera-se agregar mais países da região em torno de um cluster de turismo marítimo de forma a criar sinergias no sentido de diversificar a oferta por escala na costa africana.

Com o objetivo de superar os constrangimentos em termos de infraestruturas, existe um projeto de criação de um terminal de passageiros no país, que possibilitará um crescimento substancial no número de escalas, para o qual a ENARPOR pretende chamar o investimento privado dado o reduzido investimento público de que poderá dispor.

O "Mercado do Turismo de Cruzeiros - Caso de Fortaleza" constitui o tema da terceira e última comunicação deste segundo painel do congresso, a cargo de Paulo André Holanda, Presidente da Companhia Docas do Ceará (CDC), Brasil.
Paulo Holanda deixou bem clara a importância do Campeonato do Mundo de Futebol de 2014 a ser realizado no Brasil, como drive para a reestruturação da oferta de infraestruturas para o mercado do turismo marítimo.

O Governo brasileiro tem vindo a alocar uma investimento substancial aos terminais de passageiros visando suprir a alargada procura que se espera por altura da Copa de 2014, legando ao futuro as infraestruturas criadas, nomeadamente nos Portos do Rio de Janeiro e de Santos que são os principais portos de turismo do brasil.
Nestes serão construídos modernos terminais especializados tendo em atenção não só o evento de 2014 mas também a crescente procura do Brasil pelo turismo de cruzeiro das novas rotas vindas do Caribe e da Europa, conjugada com o aumento dos clientes internos dada a estabilização da economia do país.

Paulo Holanda deu ainda destaque ao centro de formação de Fortaleza, inaugurado em 2010, com o objetivo de proporcionar qualificação profissional à população circundante, de forma a poderem ocupar os postos de trabalho que as atividades portuárias têm vindo a criar, dando corpo à responsabilidade social do mesmo.

A encerrar o painel, o moderador Fernando Santos realçou o fato de as apresentações terem abrangido três continentes diferentes, com a língua portuguesa a constituir fator de união, que poderá lançar os países na conquista de metas comuns.
Em Portugal, um país que atravessa um período de dificuldades económicas, o setor está em franco crescimento, pelo que é necessário continuar a criar condições para se impor no mercado.
Em cabo verde essas condições estão a ser criadas, tendo em conta a posição privilegiada que o país dispõe na Macaronésia para a ligação da costa ocidental de áfrica a outros destinos.
Destaque ainda para a visão de futuro que o Brasil desenvolveu de forma a aproveitar a Copa do Mundo de 2014 como rampa de lançamento para desenvolver todo o seu turismo em geral e o marítimo em particular.

POR LUÍS SOUSA
 


 



Data: 2012-12-17

Artigos relacionados:

  • Estado da Arte da Cabotagem no Brasil
  • VI Congresso da APLOP - Bloco de Notas (2)
  • Oportunidades de Investimento no Espaço CPLP
  • Importância Estratégica da Cabotagem no Comércio Internacional
  • Porto do Rio terá dois quilómetros de cais contínuo no terminal de contentores
  • VI Congresso da APLOP - Bloco de Notas (1)
  • A segurança da cadeia logística internacional na perspectiva aduaneira
  • APLOP importante para a facilitação de oportunidades de negócio
  • Robledo Gioia apresenta o Grupo brasileiro LIBRA
  • Projecto Offshore da Bacia do Rovuma para Exploração de Gás Natural em Moçambique
  • ENH na pesquisa de hidrocarbonetos
  • Encerramento do primeiro painel dos trabalhos do VI Congresso da APLOP
  • Turismo de Cruzeiros em Portugal: Um negócio em expansão
  • Primeiros vídeos já disponíveis na web
  • Cerimónia de Abertura - José Luís Cacho
  • Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio
  • Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello
  • Cerimónia de Abertura - Augusto Fernando Cabi
  • Cerimónia de Abertura - Adriano Rosamonte
  • Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele
  • Cerimónia de Abertura - Madalena Neves
  • Cerimónia de Abertura - Fernando Nunes da Silva
  • Foto de Família
  • Porto de Lisboa
  • Abertura do Painel I por Lídia Sequeira
  • Sandra Augusto detalha o Projecto Logístico da Auto Europa - Portugal
  • Porto do Lobito em destaque na comunicação de Lisender Borges
  • Trabalhos de extensão do Porto do Lobito
  • Queremos criar uma economia APLOP ligada ao mar
  • Projectos de Desenvolvimento e de Construção de Novos Portos e Linhas Férreas de Moçambique
  • A Cadeia Logística do Frio - Caso de Sucesso do Iceport
  • «Projectos de Formação para a CPLP - O Caso da Escola Náutica Infante D. Henrique»
  • Segurança Marítima
  • Projecto da Janela Única Portuária em Portugal apresentado por Marinho Dias
  • Navios de Cruzeiro no Porto de Lisboa | 7.12.2012
  • Navio de Cruzeiro no Porto de Lisboa | 7 de Dezembro de 2012
  • É preciso desenvolver regimes especiais para as trocas comerciais entre os países lusófonos
  • Mindelo espera atingir os 75 mil cruzeiristas em 2020
  • Turismo de Cruzeiros em Portugal é um negócio em expansão
  • «Mercado do Turismo de Cruzeiros - Caso de Fortaleza» - tema abordado por Paulo André Holanda
  • VI Congresso da APLOP com casa cheia
  • Projecto de Revitalização do Porto do Rio de Janeiro apresentado por Jorge Luiz de Mello
  • Segundo dia de trabalhos
  • «Representamos um imenso território, com cerca de 15 mil quilómetros de costa»
  • Reabilitação, Expansão e Modernização do Porto do Lobito | Angola
  • Sandra Augusto apresenta o Projecto Logístico da Auto Europa - Portugal
  • Robledo Gioia apresenta o Grupo Libra | Brasil
  • Projecto Offshore da Bacia do Rovuma para Exploração de Gás Natural em Moçambique
  • VI Congresso da APLOP
  • Portos da Lusofonia em congresso

  •  Vídeo

    Sobrevoando a Restinga e a cidade do Lobito (Angola)

     VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

     IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

     IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

     Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

     VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

     VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

     VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

     Mindelo e São Vicente com muita morabeza

     Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

     Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

     VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

     VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Francisca Chambal

     VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Robledo Gioia

     VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Sandra Augusto

     VI CONGRESSO DA APLOP - Abertura do Painel I - Lídia Sequeira

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Adriano Rosamonte

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Augusto Fernando Cabi

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Madalena Neves

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Fernando Nunes da Silva

     Congresso Intercalar Portos CPLP - Rio de Janeiro – Domingos Fortes (1)

     “EXPERIÊNCIA DO PORTO DE LEIXÕES NA FORMAÇÃO PORTUÁRIA”- Matos Fernandes (1)

     IV Encontro de Portos da CPLP – Menção Honrosa a Lima Torres

     IV Encontro de Portos da CPLP - Sessão de encerramento - Franklim Spencer

     “GEOPOLÍTICA DO MAR” - Carlos Manuel Mendes Dias (1)

     Novo Porto do Dande - Domingos Fortes (1)

     IV Encontro de Portos da CPLP - Franklin Spencer

     «Há muito potencial de crescimento nas relações comerciais Portugal/Brasil» (1)

     Porto de Luanda - 1955

     III Encontro de Portos da CPLP - Adalmir José de Sousa

     III Encontro de Portos da CPLP – Apresentação da Mesa de Honra

     III Encontro de Portos da CPLP - Estudo de mercado - (13) – Debate

     Constituição da APLOP

    Constituição da APLOP

    Foto de família