Início > Artigo > Japoneses por detrás da exportação «ilegal» de pepino do mar e búzios



SÃO PEDRO, CABO VERDE

Japoneses por detrás da exportação «ilegal» de pepino do mar e búzios


Um grupo de japoneses pode estar por detrás da exploração “ilegal” de búzios e pepinos do mar, tratados de forma artesanal na localidade de São Pedro, na ilha de São Vicente. A história ganha contornos de polémica e mistério já que ninguém tem licença para esse tipo de actividade, o processamento do produto não respeita as regras mínimas de salubridade, tão-pouco se sabe a quantidade e como os pepinos secos, cujo um quilo custará cerca de 40 mil escudos no mercado asiático, saem de Cabo Verde.

As investigações das autoridades indicam que pelo menos um contentor cheio de pepinos do mar e búzios secos saiu do país. O problema é que, ao que o A NAÇÃO pôde apurar, não existe nenhum registo de exportação desse tipo de produto nas Alfândegas. E nem poderia haver, acentua o director-geral das Pescas, Juvino Vieira, já que “a Direcção Geral Pescas, que é autoridade nessa matéria, não emitiu nenhuma licença nesse sentido”.

Sendo assim, existe a suspeita que de que houve uma “falsa declaração” feita por quem fez sair o produto de Cabo Verde. Ou seja, em vez de pepinos do mar e búzios secos, o “suposto exportador” terá declarado que estaria a enviar casco de búzio, especula uma fonte ligada ao Instituto Nacional do Desenvolvimento das Pescas (INDP), uma das entidades envolvidas no processo de desvendar esse “mistério” de exportação ilegal de um recurso das nossas águas.

fonte




Data: 2012-08-26

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)