Início > Artigo > Equipa interministerial inspecciona obras do PAC no Porto de Santos



BRASIL

Equipa interministerial inspecciona obras do PAC no Porto de Santos


A CODESP recebeu esta semana uma equipa interministerial, formada por representantes da Casa Civil, ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, ministério da Fazenda e Secretaria de Portos para verificar a situação dos projectos do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC, realizados e previstos para o complexo portuário santista.


A iniciativa, de acordo com os técnicos da equipe, é da presidenta Dilma Roussef, que determinou a formação de grupos para acompanhar as etapas, dificuldades e o andamento das diversas obras de infraestrutura no país. e o grupo deve funcionar como uma instância resolutiva de problemas.

O coordenador do grupo, Guilherme Ramalho, do ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, destacou a importância da visita que permite conhecer in loco o desenvolvimento do PAC e a oportunidade de ouvir de forma direta dos gestores e técnicos da Autoridade Portuária, os detalhes técnicos, dificuldades e exigências necessárias para agilizar a conclusão dos serviços. Ramalho destacou que o trabalho do grupo deve funcionar inclusive como uma instância resolutiva de problemas.

Quanto aos investimentos do PAC no porto, lembrou que Santos é o principal destinatário no setor portuário, antecipando um balanço positivo sobre a aplicação desses recursos, com obras entregues que agilizaram significativamente o escoamento do tráfego rodoferroviário.

“Santos funciona hoje como um belo exemplo no portfólio de esforços feito pelo governo federal em Brasília e pela CODESP em Santos, atestando a eficiência desse trabalho”, afirmou Ramalho.

O grupo iniciou os trabalhos na manhã de dia 29, percorrendo as instalações do porto, da Ponta da Praia até a Alemoa. No trajeto foi possível observar os serviços de conclusão da dragagem de aprofundamento no Terminal de Granéis Líquidos de Alemoa, a construção de píer de atracação na Ilha Barnabé, bem como obras de implantação de novos terminais realizadas pela iniciativa privada.

À tarde, a comitiva percorreu por terra as instalações do porto, conferindo os trechos já entregues do complexo viário da margem direita e os locais onde ocorrerão as novas intervenções, também com recursos do PAC, com destaque para as regiões do Valongo à Alemoa e Ponta da Praia, onde ainda existe conflito no tráfego rodoferroviário, com a previsão de construção de viadutos permitindo tráfego em desnível, eliminando os últimos gargalos na infraestrutura de acesso na área do porto. Para concluir o viário da margem direita, foram citados os planos da CODESP que contemplam a construção de novos viadutos nesses locais.

Na manhã de dia 30, a equipa reuniu-se com diretores da Companhia, na Sala de Situação da CODESP, onde foram apresentados de forma detalhada, com plantas, desenhos técnicos e cronogramas físico e financeiro, as obras em execução, em licitação e as previstas.

O presidente da CODESP, José Roberto Correia Serra, e o secretário de Gestão e Infraestrutura de Portos da SEP, Fernando Victor de Carvalho, comentaram o total de investimentos previstos para aplicação até o final deste ano e a importância das etapas em que se realizarão para não comprometer o atendimento do Porto, bem como destacaram como essas iniciativas de melhoria e ampliação da infraestrutura são indispensáveis para ampliar a capacidade do Porto.

No total, até o final deste ano, a CODESP já terá investido cerca de R$ 400 milhões, com estimativa de até o final de 2014, estes investimentos ultrapassarem R$ 1 bilhão. Ainda outras intervenções, como a construção do chamado Mergulhão, uma passagem em desnível com cerca de 1,5 quilômetros de extensão na região do Valongo, previstas para conclusão até 2016, ampliarão os investimentos em infraestrutura no Porto de Santos.

Os projectos previstos no PAC para o Porto de Santos englobam obras viárias, dragagem, reforço e construção de cais, píeres e aprofundamento de berços de atracação.
 




Data: 2012-03-31

Artigos relacionados:

  • Porto de Santos regista novos recordes na movimentação de cargas
  • Porto de Santos recebe a maior embarcação da sua história
  • Porto de Santos comemora 120 anos
  • Primeiro navio no porto de Santos, em 1892
  • Supernavios já podem atracar no Tecon
  • TECON | Santos | Brasil
  • Porto de Santos duplicará capacidade em dois anos
  • Licitação de novo cais amplia capacidade no porto de Santos para 2,5 milhões de passageiros
  • «MSC ORCHESTRA» já está no Porto de Santos
  • Porto de Santos opera tonelagem record no acumulado
  • Porto de Santos regista maior Setembro da história e é recorde no acumulado do ano
  • Quer trabalhar no Porto de Santos?
  • Livro sobre o Porto de Santos alcança destaque na 53ª edição do Prémio Jabuti

  •  Vídeo

    Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

     “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

     VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

     IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

     IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

     Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

     VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

     VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

     VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

     Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

     Mindelo e São Vicente com muita morabeza

     Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

     Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

     VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

     VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Sandra Augusto

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

     Porto de Luanda - 1955

     Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

     Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

    Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012