Início > Artigo > Malawi insiste na viabilidade do porto de Nsanje



MOÇAMBIQUE

Malawi insiste na viabilidade do porto de Nsanje


Maputo, 07 fev (Lusa) - Uma delegação do Malawi, liderada pelo ministro dos Transportes, está em Maputo para discutir a viabilidade do porto interior de Nsanje, que está a ser construído pela portuguesa Mota Engil, no acesso ao Índico.

Segundo os jornais do Malawi desta terça-feira, esta reunião, a 11ª, sobre o assunto entre os dois países, foi apadrinhada pela organização regional económica Comesa, como forma de ultrapassar o diferendo existente sobre aquela infraestrutura.

O porto de Nsanje, financiado pelo Banco Africano de Desenvolvimento, União Europeia e Japão, fica a 238 quilómetros do porto moçambicano de Chinde, seguindo o curso do rio Chire, que, em dado momento, se junta ao rio Zambeze.

A funcionar, será o caminho mais curto do Malauí ao oceano mas as autoridades moçambicanas mantêm a exigência de um estudo de navegabilidade e de impacto ambiental nos dois rios antes de aceitarem o projeto.

Enquanto isso, o porto de Nsanje, que o Governo do Malauí acredita que vai poupar ao país 175 milhões de dólares por ano, continua parado depois de completada a primeira fase pela Mota Engil em outubro de 2011.

leia também




Data: 2012-02-07

Artigos relacionados:

  • Navegação nos rios Chire e Zambeze alvo de estudos
  • O porto que causou uma crise diplomática

  •  Vídeo

    Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

     “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

     VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

     IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

     IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

     Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

     VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

     VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

     VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

     Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

     Mindelo e São Vicente com muita morabeza

     Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

     Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

     VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

     VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

     Porto de Luanda - 1955

     Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

     Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

    Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)