Início > Artigo > MCS Cruzeiros vai construir terminal próprio em Miami



MCS Cruzeiros vai construir terminal próprio em Miami


A MSC anunciou que vai construir um terminal próprio em Miami que permitirá receber em simultâneo naquele porto dos EUA três navios da companhia, gerindo até 36 mil passageiros por dia. O projecto está previsto estar completo até Dezembro 2023

O novo terminal engloba um investimento de aproximadamente 350 milhões de euros e será composto por vários níveis num corpo central para receber até três navios de última geração em simultâneo, com capacidade para até 36 mil passageiros em trânsito diariamente.

O novo terminal terá capacidade para acomodar os maiores navios de cruzeiros da companhia. Estes incluem o MSC Seashore que está quase concluído no estaleiro da Fincatieri em Monfalcone e previsto começar cruzeiros com embarque em Miami quando entrar ao serviço este ano, assim como os futuros navios da companhia World Class.

mais detalhes


 



Data: 2021-07-13

 Vídeo

Sobrevoando a Restinga e a cidade do Lobito (Angola)

  Portos do Brasil - NEWS

 Portos de Cabo Verde – News

 Portos de Moçambique – News

 Portos de Angola – News

 Portos de Portugal – News

 XII CONGRESSO DA APLOP | LUANDA, 2021 - Disponíveis todas as apresentações

 XII CONGRESSO DA APLOP | LUANDA, 2021 | Playlist com 23 vídeos no Youtube

 Acórdãos e Avisos da ANTAQ + Legislação avulsa

 Clipping com a actualidade dos portos brasileiros

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Alberto Bengue, Presidente da APANG

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Miguel Matabel

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Alcídio Nascimento

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Ted Lago

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Fátima Alves

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Nuno Araújo

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Lucas Rênio

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)