Início > Artigo > Porto do Rio de Janeiro começa a operar navios de grande porte



BRASIL

Porto do Rio de Janeiro começa a operar navios de grande porte


Após a homologação do novo canal de acesso, pós-dragagem, em 2017, o Porto do Rio de Janeiro comemora a chegada de mais um navio de grande porte, com mais de 300 metros de comprimento. O conteineiro Santos Express, com 333m de LOA, 48,24m de boca e calado de 13,40m atracou em 3 de fevereiro, no terminal da Libra, no cais do Caju.

Essa operação faz parte da segunda fase do Ramp Up, processo de transição de um porto para receber navios de maior porte de forma progressiva, com manobras experimentais em duas etapas principais. No Ramp Up 1, o Porto recebe navios de até 300 metros de comprimento e calados de até 14,10m e, no Ramp Up 2 (etapa atual), são recebidos navios com até 340 metros e calados de até 14,30m, do porte daqueles que atracam em grandes terminais europeus.

O Santos Express é um navio da armadora alemã Happag-Lloyd, construído em 2017, com um porte bruto de 123.490 toneladas e capacidade para transportar 10,5 mil TEU, o que reduz bastante os custos operacionais. Ele chega ao Rio vindo da África (Porto Kelang) e navega, em seguida, para o Porto de Itaguaí. Uma curiosidade é que todas as novas embarcações dessa armadora recebem nomes de portos sul-americanos porque esses porta-contêineres farão a rota que liga esses complexos portuários ao Extremo Oriente.

fonte


 



Data: 2018-02-08

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)