Início > Angola

ANGOLA

Caminho de Ferro de Benguela inaugura Centro de Formação

O centro de formação profissional do Caminho- de-Ferro de Benguela (CFB), com capacidade para 600 alunos, foi inaugurado na cidade do Huambo, região centro de Angola.
Com investimento de cerca de US$ 17 milhões de dólares, o novo Centro de Formação Profissional da mais extensa ferrovia de Angola, que liga a cidade portuária do Lobito à fronteira leste com a República Democrática do Congo, compreende, além de salas de aula, um edifício com 28 dormitórios, para albergar 120 alunos em regime de internato e oito dormitórios para professores.
 

ANGOLA

Geminação do Lobito impulsiona porto local

O acordo de geminação da cidade do Lobito com as cidades de Miami (EUA) e Durban (África do Sul), assinado recentemente, permitirão o desenvolvimento acelerado do Porto do Lobito e o sector agrícola da região, segundo o administrador Alberto Ngongo.
Segundo o responsável, que falava num encontro com empresários sobre as vantagens da geminação, o foco principal desta geminação é o desenvolvimento do Porto do Lobito, para depois evoluir-se para agricultura, troca de experiências no campo de associações e nos cuidados do saneamento básico.
 

ANGOLA

Centro de Formação do CFL custa mais de USD 14 milhões

Catorze milhões e 86 mil dólares norte-americanos é o valor investido no Centro de Formação do Caminho de Ferro de Luanda (CFL), inaugurado dia 10 na localidade de Catete, município de Icolo e Bengo, província de Luanda. A inauguração do empreendimento, efectuada pelo ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás, enquadrou-se no lançamento do projecto de duplicação do Caminho de Ferro de Luanda no troço Bungo-Baia, cuja consignação foi feita no mesmo dia.
O centro, construído entre Setembro de 2015 a Maio de 2017, comporta cinco estruturas, nomeadamente o edifício de ensino, dormitório, laboratório de materiais, casa de força e guarita.

ANGOLA

Porto de águas profundas do Caio deverá estar operacional em 2020

O presidente da Caio Porto, empresa que está à frente do projecto de construção do porto de águas profundas do Caio, adiantou que o mesmo deverá estar operacional já em 2020. Em declarações à Angop, Jack Helton referiu que as obras estão neste momento numa primeira fase, a qual consiste na dragagem da zona costeira onde o porto virá a ser construído.

Italianos investem na reparação naval e conservas de peixe em Angola

Um grupo de empresários italianos vai investir na construção de um estaleiro naval para montagem e reparação de embarcações de pesca no município do Soyo, província do Zaire, disse naquela cidade o director da empresa italiana Ac Enterprises.

O empresário adiantou que um estaleiro naval é um projecto de importância capital, dado permitir montar e reparar embarcações pesqueiras para operarem na região e permitir o relançamento do sector pesqueiro na província.

ANGOLA

Bié: Produção de tilápia aumenta na província

A produção de peixe tilápia (cacusso) na província do Bié passou de 16 mil e 365 toneladas/mês em 2012, para 28 mil e 147 toneladas em 2017, devido ao apoio do governo provincial e do Ministério das Pescas.

ANGOLA

Câmara dos despachantes aponta relevâncias da Pauta Aduaneira 2017

O presidente da Câmara dos Despachantes Oficiais de Angola, Pedro Bequenque considerou, em Luanda, que a proposta do projecto da Pauta Aduaneira versão 2017 do Sistema Harmonizado da Organização Mundial das Alfandegas (OMA), vai tornar mais célere a tramitação das mercadorias e a promoção do desenvolvimento da economia nacional.

ANGOLA

Empresários russos querem investir na agricultura e pescas

Empresários da República Federativa da Rússia manifestaram a sua intenção em investir em Angola nas áreas de Agricultura e Pescas. A informação foi avançada à imprensa pelo presidente do conselho de administração da Agência de Promoção das Exportações (APIEX), Belarmino Van-Duném, à margem de um encontro com o vice-primeiro-ministro da Rússia, Yuri Trutnev, com empresários dos dois países.

CABINDA, ANGOLA

Mais de dois milhões de metros cúbicos de areia dragado no futuro porto

Mais de dois milhões de metros cúbicos de areias foram já dragados na zona costeira onde está a ser construído o Porto de Cabinda de Águas Profundas, disse à Angop o director de operações do Caio Porto, João Paulo.

Angola ligada ao Brasil por cabo submarino em 2018

A instalação do cabo submarino de fibra óptica que vai ligar Angola ao Brasil deve ficar concluída em 2018, projecto com um custo estimado em 170 milhões de dólares, disse recentemente em Luanda o presidente da empresa Angola Cables.

ANGOLA

Pescas criam cooperativas para antigos combatentes

O Ministério das Pescas está empenhado na procura de soluções para inserção do antigos combatentes e veteranos da pátria em actividades produtivas que visam o aumento da sua renda e o sustento das suas famílias, afirmou a titular da pasta, Victória de Barros Neto.

A governante falava na cerimónia de assinatura de um acordo de cooperação entre o seu pelouro e o Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria visando o enquadramento dos antigos combatentes e veteranos da pátria em projectos de constituição de cooperativas para o fomento da pesca continental.

ANGOLA

Proposta da Pauta Aduaneira 2017 isenta 86 mercadorias de impostos

Oitenta e seis mercadorias diversas de um total de 400 estão isentas dos direitos de importação (DI) e do imposto de consumo (IC), na proposta do projecto da Pautas Aduaneira 2017, que pode entrar em vigor ainda este ano.

Angola quer reforçar fiscalização marítima

Os recursos pesqueiros angolanos estão a reduzir-se, admitiu, em Luanda, a ministra das Pescas, Vitória de Barros Neto, que apontou a “melhoria do sistema de monitorização, controlo e fiscalização para combater a pesca ilegal”, como “medidas para a melhoria do padrão de exploração”.

ANGOLA

Huíla: percurso Lubango/Namibe é o mais rentável do CFM

O percurso ferroviário entre as cidades do Lubango e do Namibe é o mais rentável do Caminho-de-ferro de Moçâmedes (CFM), não obstante ter uma frequência semanal, ao contrário das dez entre a capital huilana e Menongue, no Cuando Cubango.

ANGOLA

Transporte exclusivo de granito vai «engordar» cofres do CFM

As locomotivas do Caminho-de-ferro de Moçâmedes (CFM) terão este ano o monopólio do transporte de granito negro da Huíla para o Porto do Namibe, estando a empresa pública a ultimar a criação de condições para este fim.

ANGOLA

Cuanza Sul : Embarcações de pesca iniciam actividade

As seis embarcações de pesca artesanal entregues pelo Ministério da Pescas à cooperativa de antigos combatentes e veteranos da pátria no Cuanza Sul, entraram em actividade na zona piscatória local. Na ocasião, o responsável da cooperativa Ngunza Cabolo, Jorge Augusto, sublinhou que a entrada em operação das embarcações constitui um marco para sustentabilidade do projecto.

1.º DE MAIO

Comissão Sindical do Porto de Cabinda satisfeita com o grau de adesão dos trabalhadores

Com o objectivo de reivindicarem pacificamente pela melhoria das condições sociais e laborais, cerca de trezentos trabalhadores do Porto de Cabinda juntaram-se às centenas de funcionários públicos na marcha que visou a passagem do dia primeiro de Maio de 2017 na província de Cabinda.

ANGOLA

Huíla: CFM aguarda por mais 20 locomotivas da General Electric

O Caminho-de-ferro de Moçâmedes (CFM) recebeu, há dois meses, cinco novas locomotivas adquiridas à americana General Electric e aguarda ainda este ano por outras 20, que deverão dar um outro dinamismo à actividade daquela empresa pública, revela o seu administrador financeiro, António Conceição.

Novo regime tarifário aduaneiro de Angola gera expectativas

A introdução nos próximos meses de um novo regime tarifário aduaneiro em Angola está a criar expectativas entre os agentes económicos de que a substituição do regime actualmente em vigor venha a constituir um estímulo ao crescimento do país.

BENGUELA, ANGOLA

Inaugurado posto de fiscalização da pesca no Egipto Praia

Um posto de observação e fiscalização da Pesca e Aquicultura foi inaugurado na comuna do Egipto Praia, município do Lobito (Benguela), pelo vice-governador provincial para área económica, Gika Morais. Na ocasião, o vice-governador entregou uma lancha de 70 cavalos, com seis metros de comprimentos e alcance de 20 milhas náuticas para patrulhamento, com a capacidade para sete pessoas.

 Vídeo

PLAYLIST DE VÍDEOS LOBITO 2013

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012