Início > Notícias

A maior erupção subaquática já registada deu à luz um enorme vulcão

Em 2018, a maior erupção subaquática alguma vez registada deu à luz um “bebé” gigante: um enorme vulcão do tamanho de um arranha-céus. Os cientistas descobriram um vulcão de 820 metros de altura no Oceano Índico ocidental, ao largo de Madagáscar, após uma vaga de terramotos.

Depois de recolherem dados geológicos, incluindo informações de um levantamento subaquático na região, os investigadores perceberam que havia um novo vulcão submarino cerca de 1,5 vezes a altura do One World Trade Center, em Nova Iorque.

Conferência AICEP vai ter lugar em Coimbra, a 8 de Novembro

De regresso ao formato presencial, a AICEP realiza pelo terceiro ano consecutivo a sua Conferência anual subordinada ao tema “Exportações & Investimento”, que vai ter lugar no dia 8 de Novembro.

O local escolhido é o Convento de São Francisco, em Coimbra, das 10h00 às 16h30, e vai contar com as intervenções do Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, do Ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, e do Secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias.

China solicita formalmente adesão à Parceria Transpacífico

A China solicitou formalmente a adesão ao Acordo Abrangente e Progressivo para a Parceria Transpacífica (CPTPP, na sigla em inglês), pacto comercial que reúne Japão, Austrália, Malásia e outras importantes economias da região.

O anúncio foi feito pelo Ministério de Comércio da China. Segundo o órgão, o titular da Pasta, Wang Wentao, apresentou o pedido ao seu homólogo da Nova Zelândia, Damien O’Connor, e discutiu os próximos passos por telefone.

MOTA-ENGIL

Carteira de encomendas cresce em África

No fim de 2020, o grupo Mota-Engil tinha mais de 35 mil colaboradores de 75 nacionalidades. É o maior empregador de portugueses no exterior, com 1.173 colaboradores expatriados, tendo atualmente operações em 25 países na Europa, América Latina e África.

Expo Dubai e os pavilhões de língua portuguesa

Todos os países de língua portuguesa estão representados na Expo 2020, que acontece em Dubai, nos Emirados Árabes. Visitar os pavilhões dessas nações é um alento para o viajante lusófono que sente falta de se comunicar em português na exposição mundial, que tem como idiomas francos o árabe e o inglês.

Bem próximo ao pavilhão do Brasil, está o edifício português, que tem o formato de uma caravela, o meio de transporte que fez Portugal construir um dos maiores impérios da história e foi responsável pela expansão do idioma pelos quatro cantos do mundo.

Zona de Comércio Livre Continental Africana lançou a plataforma «Janela Única de Comércio»

A Zona de Comércio Livre Continental Africana (ZCLCA) lançou uma plataforma digital para inclusão da conexão entre os mercados do continente africano denominado ‘Janela Única de Comércio para África’, noticiou a Angop.
Esta plataforma trará uma tecnologia universal que vai permitir as pequenas e grandes empresas do continente a estarem interligadas, apresentando uma inter-colectividade entre os mercados

Como funcionam as casas flutuantes?

‘Viver sobre as águas’ é um jeito diferente de morar. Esta ideia pode parecer estranha, mas não é incomum. Em certos países, como na Inglaterra ou na Holanda, por exemplo, este tipo de residência é até bem normal e muito utilizado. As “casas barco”, ou casas flutuantes, são uma espécie de arquitetura nómada e engenharia inteligente. É uma espécie de refúgio, muito confortável, requintado e contemporâneo. Ideal para todos aqueles que apreciam uma convivência simbiótica com a natureza.

O segredo para limpar oceanos sempre esteve em frente ao nosso nariz, ou no topo da nossa cabeça

O cabelo pode assumir um papel fundamental na limpeza dos oceanos. É um recurso gratuito, eficaz, inesgotável e, principalmente, um excelente absorvente de gordura.

Esta história começa num cabeleireiro do estado do Alabama, no sudeste norte-americano, em 1989. Phillip McCrory assistia a uma reportagem sobre o desastre do petroleiro Exxon Valdez, que espalhou 40 milhões de litros de crude na costa do Alasca. Ao mesmo tempo, lavava o cabelo de uma cliente e falava com os próprios botões: “Se a gordura se prende tão facilmente ao cabelo, não poderia o cabelo humano ser usado para limpar derrames de óleo?”

ESTA QUINTA-FEIRA

ABC Mercado Senegal

A Academia AICEP realiza esta quinta-feira, 30 de setembro, às 10h00, um webinar dedicado ao mercado do Senegal, no qual serão debatidas as melhores abordagens para as empresas que já estão presentes ou pretendam começar a exportar para este mercado.

A sessão contará com a participação do delegado da AICEP em Dakar, Tiago Bastos, bem como com a participação de Artur Cima, da Parfois, e de Augusto Chaves, do Grupo Neuce, que darão o seu testemunho de negócio no mercado em análise.

ESTA QUINTA-FEIRA

PODCAST CBPCE: ZPE Ceará e as oportunidades de novos negócios com Portugal

Esta quinta-feira, dia 23, a CBPCE difundirá um programa áudio em directo subordinado ao tema "ZPE Ceará e as oportunidades de novos negócios com Portugal". A emissão conta com a participação de Eduardo Neves, presidente da ZPE Ceará, Duna Uribe, diretora executiva comercial da CIPP – S/A e José Luíss Cacho, Presidente da APS – Administração dos Portos de Sines e do Algarve, S.A. e Presidente da Associação dos Portos de Portugal.

Etermar ganha segundo projecto para terminal de Bargny-Sendou, no Senegal

Depois de ter ganho o concurso para o terminal de Granéis Líquidos, a empresa vai construir o caís de Granéis Sólidos, uma plataforma com 360 metros que irá permitir atracar simultaneamente quatro navios até 35.000 DWT cada.

Indústria marítima propõe taxa para acelerar futuro carbono zero

As principais associações de armadores propuseram a criação de um imposto global sobre as emissões de carbono dos navios para ajudar a acelerar os esforços da indústria para se tornar mais verde.
Com cerca de 90% do comércio mundial transportado por mar, os navios globais são responsáveis por quase 3% das emissões mundiais de CO2 e o setor está sob pressão crescente para se tornar mais limpo.

ANGOLA

Lançado concurso internacional para concessão do Corredor do Lobito

O Governo angolano lançou dia 8, no Lobito, o concurso internacional para gestão e manutenção das infra-estruturas ferroviárias do Corredor do Lobito.
Numa cerimónia presidida pelo ministro dos Transportes, Ricardo D’Abeu, soube-se que o Ministério pretende criar uma Sociedade de Propósito Específico (SPE), a ser controlada por operadores privados.

Rússia quer tornar Rota do Mar do Norte «navegável todo o ano» para competir com canal de Suez

A Rússia investirá 274 mil milhões de rublos (3,1 mil milhões de euros) para tornar a Rota do Mar do Norte, que liga o Oceano Pacífico ao Atlântico através das águas russas do Ártico, navegável durante todo o ano.

Segundo um relatório da agência France-Presse, citado pelo Digital Journal, Moscovo pretende que o projeto fique finalizado em 2030, destacando o facto de que esta passagem é muito mais curta do que a rota pelo Canal de Suez.

O novo robô-pinguim pode dar aos cientistas as tão desejadas respostas sobre os remoinhos oceânicos

O dispositivo foi desenvolvido com o objetivo de colmatar a inexistência de meios que permitam estudar com detalhe os remoinhos oceânicos, elementos que têm um grande impacto na vida humana, apesar de forma impercetível.

POR HENRIQUE GERMANO CARDADOR

Entre o Estreito e o Canal

A Convenção de Montreux é um tratado que permite à Turquia a gestão do Estreito de Bósforo desde 1936, de forma a assegurar a navegação livre do Estreito; ao que parece este conceito de “livre” está prestes a terminar, uma vez que até agora a Turquia não cobra qualquer tarifa ou taxa para a navegação do Estreito de Bósforo.

O Estreito de Bósforo é a uma das rotas marítimas mais movimentadas do Mundo, faz a ligação do entre o Mar de Mármara e o Mar Negro, portanto a ligação entre a Europa e a Ásia; como consequência tem uma importância geoestratégica sem paralelo para a Turquia, uma vez que gere a passagem e as ligações marítimas de países como a Bulgária, Roménia, Ucrânia, Geórgia e Rússia.

Desafio da diversificação de portos é objecto de estudo Deloitte-ESPO

Um estudo conjunto Deloitte-ESPO identifica quatro categorias de tendências que estão transformando a paisagem portuária: ambiental, tecnológica, geopolítica e demográfica. Com base nessas categorias, o estudo, focado nas das autoridades portuárias europeias, identifica o que está em transformação.

“O objetivo do estudo é entender o que impulsiona as decisões dos portos hoje, como os portos vão se adaptar e navegar por este mundo em transformação e o que é necessário para otimizar esse processo, para que os portos na Europa possam continuar a ser um catalisador de crescimento sustentável, inteligente e resiliente ”, comentou Isabelle Ryckbost, secretária geral da ESPO .

COSCO Shipping investe 1,5 mil milhões em dez novos navios porta-contentores

A COSCO Shipping Holdings (COSCO) encomendou 10 navios porta-contentores: seis com capacidade de carga de 14.092 TEU e quatro de 16.180 TEU. O investimento da companhia chinesa atingirá 1,5 mil milhões de dólares e integra o plano de aumento de eficiência e redução de custos da transportadora marítima. A encomenda foi tornada pública na sequência de documentação que deu entrada na Bolsa de Valores de Hong Kong.

SINES, PORTUGAL

APS celebra protocolo de cooperação com os Portos da Guiné-Bissau

A Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS) celebrou um protocolo de cooperação com a Administração dos Portos da Guiné-Bissau (APGB) que tem como objetivo o intercâmbio de conhecimentos e experiências profissionais no domínio da atividade portuária entre as duas administrações.

Este documento, assinado em Sines no dia 28 de julho, enquadra-se no relacionamento histórico e cultural entre Portugal e a Guiné-Bissau, que no âmbito marítimo-portuário se materializa na cooperação existente ao nível da APLOP – Associação dos Portos de Língua Portuguesa.

Países lusófonos juntos seriam a décima maior economia mundial

De acordo com a base de dados do Fundo Monetário Internacional (FMI), a junção do Produto Interno Bruto (PIB) de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Equatorial, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste daria uma riqueza de 1,8 biliões de dólares, equivalente a cerca de 1,5 biliões de euros.

Os dados, consultados pela Lusa, mostram ainda que a riqueza do Brasil é, de longe, a maior da lusofonia.

 Vídeo

Sobrevoando a Restinga e a cidade do Lobito (Angola)

  Portos do Brasil - NEWS

 Portos de Cabo Verde – News

 Portos de Moçambique – News

 Portos de Angola – News

 Portos de Portugal – News

 XII CONGRESSO DA APLOP | LUANDA, 2021 - Disponíveis todas as apresentações

 XII CONGRESSO DA APLOP | LUANDA, 2021 | Playlist com 23 vídeos no Youtube

 Acórdãos e Avisos da ANTAQ + Legislação avulsa

 Clipping com a actualidade dos portos brasileiros

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Alberto Bengue, Presidente da APANG

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Miguel Matabel

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Alcídio Nascimento

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Ted Lago

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Fátima Alves

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Nuno Araújo

 XII Congresso da APLOP | Luanda, 2021 | Lucas Rênio

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 Constituição da APLOP

Constituição da APLOP

Foto de família